Você acompanha de perto o ROI de saúde na empresa?

Você acompanha de perto o ROI de saúde na empresa?

Tempo de leitura:3 minutos

Investir na saúde dos funcionários é um bom negócio. Colaboradores saudáveis produzem mais e melhor, garantindo um ambiente de trabalho com pessoas mais satisfeitas e melhorando os resultados da empresa como um todo.

É preciso ter certeza de que tal investimento esteja surtindo o efeito desejado e o dinheiro aplicado garanta um retorno efetivo naquilo que mais se espera, que é o bem-estar e a qualidade de vida da equipe. Este conteúdo tem como objetivo informar como calcular o ROI de saúde nas empresas e como utilizá-lo para acompanhar a qualidade dos investimentos feitos. Confira!

A IMPORTÂNCIA DE CUIDAR DA SAÚDE DOS FUNCIONÁRIOS

Para entender a relevância de se cuidar da saúde dos funcionários, é essencial compreender esse termo além da mera ausência de doenças. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a saúde não implica apenas a inexistência de enfermidades, como também o completo bem-estar do indivíduo no âmbito físico, mental e social.

Nesse sentido, é inconcebível pensar em uma condição de bem-estar que não envolva trabalhar sem uma boa saúde mental no trabalho, por exemplo. Transtornos dessa natureza comprometem seriamente a qualidade de vida de uma pessoa, impedindo que ela desenvolva todo o seu potencial pessoal e profissional, além de ser uma causa frequente de afastamentos do trabalho.

As empresas devem cuidar da saúde dos seus funcionários e considerar isso como um investimento muito importante. Assim, o negócio terá mais facilidade em suprir as necessidades que os colaboradores têm para desempenhar suas atividades satisfatoriamente.

O investimento em saúde dos funcionários também se converte em um nível de satisfação maior, colaborando com o aumento do engajamento de todos os envolvidos. No longo prazo, esse avanço tende a apresentar ganhos significativos nos resultados da empresa.

Além disso, quem sofre com o absenteísmo pode obter bons resultados na redução desse índice ao investir em saúde. Com o acompanhamento constante, o número de quadros de doenças que levam a faltas e afastamentos cai, o que gera uma economia considerável sem que ninguém fique sobrecarregado.

Por fim, investir em saúde de maneira adequada na empresa também melhora o clima organizacional. Esse indicador diz respeito à percepção dos funcionários em relação ao local em que eles trabalham. Assim, quanto melhor for o clima organizacional, mais felizes e satisfeitos serão os colaboradores, o que também se converte em melhor rendimento no desenvolvimento das atividades propostas.

COMO CALCULAR O ROI DE SAÚDE NAS EMPRESAS

Por muito tempo, na hora de cuidar da saúde, do bem-estar e da qualidade de vida dos colaboradores, a maioria das empresas julgava suficiente oferecer um plano de saúde entre os benefícios concedidos aos contratados. Assim, se eles necessitarem de assistência médica, bastaria que procurassem o atendimento oferecido pelo serviço.

Essa perspectiva vem mudando, e cada vez mais a gestão de saúde ganha espaço nas empresas. A intenção é adotar uma visão global sobre o assunto e deixar de atuar apenas em relação aos problemas que aparecem.

Dessa forma, em vez de esperar que vários funcionários tenham problemas com tendinite, é possível atuar para oferecer práticas de ginástica laboral no ambiente de trabalho e móveis ergonômicos, que reduzem a incidência dessa patologia.

O mesmo vale para doenças crônicas, como diabetes ou tabagismo, que podem ser combatidos com campanhas de prevenção e promoção de hábitos saudáveis. No final das contas, essas ações, se bem executadas, geram excelentes resultados, inclusive do ponto de vista financeiro.

Como ter certeza se o dinheiro alocado em determinada ação está sendo bem aproveitado? Como fazer isso com base em dados, e não apenas em “achismos”? Nessas horas, o cálculo do ROI de saúde nas empresas se mostra essencial.

ROI é uma sigla bem comum no desenvolvimento de projetos em diferentes áreas. Ela significa, em inglês, Return Over Investiment. Em uma tradução livre para o português, temos, então, o Retorno Sobre Investimento.

Como o próprio nome sugere, o cálculo do ROI é importante porque mostra a relação entre o que foi investido em um projeto e o retorno obtido. Dessa forma, torna-se possível saber se determinada ação está gerando ganhos ou perdas para a empresa.

Não é difícil efetuar o cálculo do ROI de saúde (ou de qualquer outro projeto). Para isso, será necessário ter em mãos o custo total do investimento e o ganho obtido com ele após determinado período.

Para facilitar, vamos utilizar um exemplo. Imagine uma empresa que promoveu uma grande campanha para acompanhar o estado de saúde dos colaboradores (aferindo a pressão, o peso e o índice glicêmico), incentivando a prática de exercícios físicos e a boa alimentação. Aqueles com indicadores mais preocupantes eram encaminhados a uma assistência médica especializada.

No final, tal mobilização custou para a empresa R$15 mil reais. Por outro lado, o encaminhamento precoce dos colaboradores que necessitavam de cuidado médico gerou uma economia de R$25 mil, principalmente com a redução de faltas e da sinistralidade do plano de saúde. Com essas informações levantadas, use a seguinte fórmula:

ROI= ganho com o investimento – custo do investimento/custo do investimento x 100

Seguindo nosso exemplo, o cálculo ficaria assim:

ROI = 25 – 15/15 X 100

ROI =10/15 X 100

ROI = 0,66 X 100

ROI= 66%

Com o nosso cálculo hipotético, que é bastante simplificado, chegamos à conclusão de que o investimento em saúde com o objetivo de prevenir doenças teve um ROI de 66%. Em outras palavras, cada R$1 investido em saúde gerou um retorno de R$1,66.

O PAPEL DO SEGURO SAÚDE NO INVESTIMENTO EM SAÚDE

Na hora de calcular o ROI de saúde da empresa, é preciso considerar a importância do seguro saúde na composição dos investimentos feitos. Essa forma de proteção deve servir de resguardo para os colaboradores e garantir a utilidade, oferecendo os serviços sempre que necessário — o que deve andar lado a lado das medidas de prevenção.

Entender para que serve e como é feito o cálculo do ROI em saúde nas empresas é uma forma eficaz de otimizar os gastos com esse quesito, sem que isso signifique abrir mão do que mais importa, que é o bem-estar e a qualidade de vida de todos os colaboradores.

Quer conhecer as melhores soluções em seguros para garantir a tranquilidade de todos na sua empresa? Então, entre em contato com a Alper Seguros agora mesmo e veja como podemos ajudar você nessa tarefa!

Assine nossa Newsletter!

Notícias do setor e as últimas novidades da Alper Seguros em primeira mão para você: