MÁ POSTURA E OS IMPACTOS NO TRABALHO

MÁ POSTURA E OS IMPACTOS NO TRABALHO

Tempo de leitura:3 minutos

Em uma sociedade consciente da saúde, a boa postura é tão importante quanto seus hábitos alimentares e rotina de exercícios físicos. As pessoas passam boa parte do dia em seu local de trabalho, onde trabalham em média nove horas por dia, mais de 1/3 do seu tempo diário. Devido a correria, muitos colaboradores não percebem a forma como estão trabalhando e muitas vezes esquecem de cuidar da sua postura corporal, o que acarreta em diversos problemas de saúde.

Os vícios posturais e até mesmo a má postura são responsáveis pelo surgimento de diversas complicações não só para a saúde física, mas também para a saúde mental afetando diretamente na produtividade no trabalho. Como consequência, gera dores, desconfortos e doenças ocupacionais. Por isso é importante saber reconhecer seus hábitos posturais em casa e no local de trabalho – e trabalhar para corrigi-los, se necessário.

Pensando nisso, preparamos uma série de dicas para melhorar sua postura, garantir sua produtividade e aumentar seu bem-estar. Confira!

OS IMPACTOS DA MÁ POSTURA NO TRABALHO

A má postura no trabalho gera baixo rendimento dos funcionários e aumenta o risco de doenças graves, por exemplo:

Dorsalgia: A dorsalgia (dor nas costas) é uma das principais causas de afastamento do trabalho segundo o INSS. Para quem permanece muito tempo em um escritório, as causas podem ser as horas trabalhadas sentado na mesma posição ou o uso de sua cadeira de forma inadequada.

Tendinite e Tenossinovite: A Tendinite é uma inflamação que prejudica o tendão. Já a tenossinovite é a junção da primeira com um processo inflamatório da membrana que recobre o tendão. Os pulsos, mãos e pés são normalmente os mais afetados.Em estágios mais avançados, é comum gerar espasmos de dor e dificuldade em segurar qualquer objeto, até mesmo os mais leves. Os tendões ficam doloridos e algumas vezes, inchados ao movimentar.

Lesão por Esforço Repetitivo (LER) e Doenças Osteoarticulares – Relacionadas ao Trabalho (DORT): Essas doenças são causadas pelo uso demasiado e repetitivo do mouse ou teclado, mas prejudica ainda mais sua saúde no trabalho quando unida à má postura. Os nervos, tendões e músculos ficam inflamados, podendo até imobilizar partes do corpo e impedir atividades cotidianas.

Cifose (“Corcundez”):  A Cifose, popularmente chamada de corcundez, é o aumento incomum da curvatura externa da coluna vertebral, sendo causada principalmente pela má postura e o sedentarismo. Por reduzir a capacidade de sustentação da coluna, ela dificulta também a respiração.

A IMPORTÂNCIA DE UMA BOA POSTURA CORPORAL

O efeito mais óbvio da boa postura corporal é que ela transmite boa saúde, confiança e energia. Pessoas que mantém as costas retas e adequadamente alinhado com o resto do corpo conseguem projetar melhor sua voz, além de parecerem mais equilibradas e confiantes.

Manter a postura certa nos auxilia a ficar de pé, andar, sentar e deitar em posições que dificultam o desgaste de músculos e ligamentos durante atividades de movimentação e sustentação de peso. Além disso:

  1. Mantém os ossos e articulações alinhados corretamente, para que os nossos músculos sejam empregados ​​corretamente. Reduzindo o desgaste anormal das superfícies articulares que podem resultar em artrite degenerativa e dor nas articulações;
  2. Reduz o estresse sobre os ligamentos que prendem as articulações da coluna, minimizando a probabilidade de uma lesão;
  3. Permite que os músculos trabalhem com mais eficiência, assegurando que o corpo use menos energia e, portanto, evitando a fadiga muscular;
  4. Ajuda a prevenir a tensão muscular, transtornos de uso excessivo e até dores nas costas e nos músculos.

DICAS PARA GARANTIR UMA BOA POSTURA CORPORAL

Ajuste seu ambiente de trabalho: a primeira medida que deve ser adotada para evitar problemas posturais no trabalho é o ajuste do ambiente.

Faça pausas para descansar: além de ajudar a tomar decisões melhores nos trabalhos que estão sendo exercidos, pausas para esticar a coluna ou mudar a posição diminuem as dores musculares. Levante-se para se alongar, beber um café ou apenas mudar de ambiente, e não mexa no celular para melhor descanso.

Evite sentar-se de maneira desleixada: isso aumenta o estresse na sua coluna, colocando pressão extra sobre os ossos, músculos e articulações necessários para manter sua espinha dorsal no lugar. Isso também dificulta a digestão ou a ingestão de ar suficiente quando você respira – aumentando os riscos de estresse, depressão e ansiedade.

Utilize cadeiras ergonômicas: a cadeira que você utiliza está inteiramente ligado à sua postura. Por isso, é necessário que elas atendam as normas de ergonomia (NBR 13962/2018) para que sua a saúde no trabalho seja preservada. Com uma cadeira ergonômica, você pode adaptá-la de acordo com a necessidade de seu corpo para garantir uma melhor distribuição do peso corporal, além de um melhor relaxamento da musculatura.

Opte por equipamentos ergonômicos em seu local de trabalho: verifique a altura de sua cadeia, o apoio para os braços, se o seu teclado e mouse têm apoio para os pulsos e se o seu monitor está na altura correta.

Observe a posição de seu pescoço: monitore sua postura corporal ao digitar no computador ou em seu smartphone. Quando você permanece com a cabeça inclinada para frente por longos períodos, estressa sua espinha e pode acabar com dores nos ombros e pescoço. Para combater isso, lembre-se de mover apenas os olhos, não a cabeça.

Evite usar saltos por longos períodos: saltos altos e finos podem garantir um look incrível no escritório, mas empurram a base da espinha para a frente, arqueando as costas. Isso pode mudar a maneira como a coluna se alinha e pressiona os nervos, causando dores nas costas. Sapatos muito altos também colocam mais peso nos joelhos.

Exercite e tonifique seu abdômen: o excesso de gordura na região não faz mal só para o seu coração, mas também coloca mais stress nas suas costas. É preciso contar com músculos fortes para sustentar sua coluna.

Cuide da sua postura para dormir: até mesmo para dormir, você deve adotar uma posição correta. Assim sendo, quando for deitar, fique de lado, com os joelhos dobrados e um travesseiro entre eles, bem como, com a cabeça em repouso sobre um travesseiro.

Mantenha sua rotina de check-ups em dia: visite seu médico regularmente e mantenha seus exames em dia para garantir mais saúde e bem-estar. 

REFERÊNCIAS:

https://vitacheckup.com.br/2019/09/como-a-postura-corporal-influencia-o-rendimento-no-trabalho/

https://sistemaeso.com.br/blog/dicas-diversas/riscos-da-ma-postura-no-trabalho

https://tecno.com.br/como-cuidar-da-sua-saude-no-trabalho-atraves-da-postura/

https://viverbem.unimedbh.com.br/saude-no-trabalho/risco-ergonomico/

Assine nossa Newsletter!

Notícias do setor e as últimas novidades da Alper Seguros em primeira mão para você: