JUNHO VERDE – PREVENÇÃO AO MEIO AMBIENTE

JUNHO VERDE – PREVENÇÃO AO MEIO AMBIENTE

Tempo de leitura:3 minutos

O “Junho Verde” é uma campanha sancionada na Lei 14.393/22 com o intuito de conscientizar a população sobre o ambiente em que vivemos, assim como promover hábitos naturalmente mais saudáveis e disseminar informações referentes ao assunto.

Pensando nisso, nós, da Alper, elaboramos um conteúdo específico para fomentar nossos leitores a se relacionarem, de forma mais justa e benéfica, com o meio ambiente e a natureza, visando elaborar um conjunto de indagações necessárias para reflexão dos atos cotidianos.

Primeiro de tudo: o que é, especificamente, o “meio ambiente”?

O tão falado meio ambiente, comentado, principal e frequentemente, nos jornais e noticiários, realizando denúncias de descasos sobre o tema, nada mais é do que a soma de todos os elementos químicos, físicos e biológicos que interagem entre si de forma natural, garantindo a possibilidade de vida na Terra. 

A vida por si também faz parte do meio ambiente. Aliás, “viver” nada mais é do que reagir para com o ambiente à sua volta, participando de suas alterações, adaptando-se a ecossistemas e colaborando com o meio para que o benefício seja mútuo. 

Inclusive, o quase que “companheirismo” que nós temos com o meio ambiente é uma condição essencial para manter a possibilidade de viver em sincronia com a própria natureza. Uma vez que não podemos nos manter vivos sem ela, temos, por obrigação lógica, que cuidar dela da melhor maneira possível.

Todavia, não é bem assim que a nossa sociedade vem seguindo. Não é raro entrar em sites de notícias e ver chamadas como “Mais de três mil hectares da Caatinga desmatados ilegalmente são embargados na Bahia”; “Brasil queimou mais de 21% de seu território em quase 4 décadas” ou “Mudanças climáticas: o rápido e recente aquecimento dos oceanos que alarma os cientistas” durante uma pesquisa básica. 

As notícias denunciam a realidade. Há séculos a humanidade trata o meio ambiente com descaso e, em contraponto, vemos cada vez mais notícias como “Crises Climáticas podem levar 3 milhões de brasileiros à pobreza extrema, diz Banco Mundial” como resultado direto da falta de conscientização referente aos cuidados com a natureza. 

Portanto, cada um de nós, seres humanos que compartilhamos o mesmo ambiente para sobrevivência, devemos seguir nosso papel em nossa vida cotidiana. Evitar o desperdício de água e alimentos nos possibilita preservar recursos naturais, evitar seu esgotamento e garantir uma melhor redistribuição de recursos mais igualitária.

E pode parecer difícil, mas não é um sacrifício tão grande. O ideal é continuar tomando a quantidade de banhos necessária por dia, mas, em cada um dos banhos, diminuir o tempo para ser rentável a utilização da água e energia elétrica. Assim como lavar o carro, quintal, casa, ou, até, limpar a piscina. 

Nossos recursos são escassos, e cotidianamente necessitamos dele. Nada da vida moderna conseguiria se manter sem o acesso básico aos recursos naturais. Entretanto, evitando o desperdício, aumentando o uso consciente e diminuindo cada vez mais a agressão ao meio ambiente, conseguiremos elevar nossas relações a um estágio cíclico e benéfico, tanto para a natureza quanto para a humanidade.

Em suma, nós precisamos CUIDAR do meio ambiente, pois o meio ambiente CUIDA de nós. A cada dia que o tratamos mal, ele “responderá” da mesma maneira. Produção de alimentos, qualidade do ar, controle da cadeia alimentar – todos esses fatores se relacionam DIRETAMENTE com a nossa saúde -, tudo isso DEPENDE da nossa colaboração, e nós temos a obrigação de colaborar, por respeito a nós mesmos e nosso convívio saudável como sociedade.

BIBLIOGRAFIA:

https://www.camara.leg.br/noticias/893909-LEI-INSTITUI-CAMPANHA-JUNHO-VERDE,-PARA-CONSCIENTIZACAO-AMBIENTAL#:~:text=O%20Junho%20Verde%20envolver%C3%A1%2C%20entre,junho%20pela%20C%C3%A2mara%20dos%20Deputados.

https://g1.globo.com/ba/bahia/noticia/2023/04/28/mais-de-tres-mil-hectares-de-caatinga-desmatados-ilegalmente-sao-embargados-na-bahia.ghtml

https://g1.globo.com/meio-ambiente/noticia/2023/04/26/brasil-queimou-mais-de-21percent-do-seu-territorio-em-quase-4-decadas.ghtml

https://g1.globo.com/meio-ambiente/noticia/2023/04/25/mudancas-climaticas-o-rapido-e-recente-aquecimento-dos-oceanos-que-alarma-cientistas.ghtml

https://g1.globo.com/meio-ambiente/noticia/2023/05/04/crise-climatica-pode-levar-3-milhoes-de-brasileiros-a-pobreza-extrema-diz-banco-mundial.ghtml  

Assine nossa Newsletter

Pirate ipsum arrgh bounty warp jack. Crimp rat of arr gangway gangway execution buccaneer lass schooner. Tender pay splice of ahoy. Sheet.